Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"ENTARDECER"

   
    "Avisto a paisagem longínqua e muda. Meus olhos se prendem aos detalhes que surgem a cada instante. Vejo esse quadro vivo da natureza emoldurado por um horizonte azulado e impossível de se tocar. Comparo-o à felicidade, muitas vezes a vemos, sabemos onde está ,mas não podemos alcançá-la. Para mim, essa visão desnuda minh'alma, sinto que a muda natureza é testemunha única de minha peregrinação em busca de um sonho não realizado, nada em mim mostra isso, mas só eu sei que fui de plaga em plaga, qual alma foragida, tentando me albergar num canto qualquer para viver a paz almejada em devaneios loucos. Assim me agitei, espavori ,achei e perdi ,continuei e caminhei, verti lágrimas e sorrisos ,vivi nas sombras e nas luzes. Juntei forças e só obtive cansaços. Agora, aqui no mesmo lugar, com essa vista tão linda esculpida pelas mãos de Deus, entendo o que Ele quis para mim, pois sobrevivi à algumas ruínas internas e externas, a procura cessou, meu olhar calmo não mais faísca paixão. O horizonte ficou rubro,
salpicado de raios do sol no entardecer, aqui em mim aquieta-se o coração e como a paisagem ele vai adormecer...
                                                   
           09/09/07     *Marilda*
Marilda Lavienrose
Enviado por Marilda Lavienrose em 09/09/2007
Reeditado em 25/04/2014
Código do texto: T645204
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Marilda Lavienrose
Campinas - São Paulo - Brasil
1671 textos (81898 leituras)
41 áudios (2930 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/11/17 21:02)
Marilda Lavienrose