Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dieta do Palito

Dieta do Mediterrâneo, de South Beach, da sopa, da pirâmide, da primavera, da proteína, do tipo sanguíneo e por aí vai. Mas nenhuma delas traz o resultado que o Dr. Robertus Palitus promete: a magreza de um palito.

Os palitos são esbeltos e motivo de muitas noites mal dormidas entre aqueles que sonham em ter um corpo, digamos, tamanho mínimo. Eles são invejados nas passarelas da moda do mundo inteiro. Todos querem ser como eles. O culto à magreza já rendeu até templo em Palitolândia, a cidade natal dos palitos.

O Dr. Palitus é um conceituado médico de Palitolândia que, intrigado pela magreza da população, resolveu investigar o gene dos palitos. E qual não foi sua surpresa ao descobrir que todos tinham em comum a ausência do gene da obesidade. Maravilhado com tal descoberta ele fundou o Instituto de Dieta e Pesquisa de Palitolândia.

Após anos de testes feitos em seu Instituto com palitos cobaias, o Dr. Palitus foi além e encontrou a causa da ausência do tal gene. Foi então que ele inaugurou o Spalito, um SPA inteiramente dedicado àqueles que desejam ardentemente serem magros como um palito.

Para atingir tal estágio de magreza é necessário seguir rigorosamente a dieta que restringe severamente a ingestão de qualquer alimento sólido em todas as refeições. Salsicha, lingüiça, salame, mortadela, presunto, queijos, tudo isso é proibido na dieta do palito. Mas quem fez, garante que vale a pena.

A grande perda de peso em um curtíssimo espaço de tempo é o principal motivo do enorme sucesso do regime, que atrai celebridades de todo mundo para o Spalito.

“Não acho a dieta radical, alimentos sólidos fazem mal a digestão. Só às vezes me sinto um pouco mal, desmaio, vou para o hospital, tomo soro. Mas o resultado é ótimo! Não deixo de ir ao Spalito pelo menos 4 vezes ao ano!” disse Olívia Palito em uma entrevista exclusiva concedida a nossa revista.

Mas, para garantir um resultado perfeito, o Dr. Palitus é enfático: “Faça como os palitos, espete, mas não coma!”
Mariana Miranda
Enviado por Mariana Miranda em 11/09/2007
Código do texto: T648277

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mariana Miranda
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 41 anos
30 textos (3787 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 14:43)
Mariana Miranda