Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Criança X Brincadeira

Criança meu amor, tua ingenuidade me comove, tua meiguice me espanta, teu olhar rápido tentando captar algo me deixa curiosa. Criança não pode ficar parada, pois é através das brincadeiras que ela descobre o mundo. E são tantas brincadeiras, as de pular corda, subir em árvores, brincar de pega-pega, cobra-cega, ciranda, esconde-esconde, amarelinha... brincar de casinha, de soldado, polícia e ladrão, quanta lembrança.
É triste saber que estão cada vez mais escassas da vida das crianças as brincadeiras que mais encantavam uma época, um tempo. A geração atual combina mais com os jogos eletrônicos, computadores, DVDs, apartamentos... isolamentos... carceragem... grades... ilusão... falta de imaginação? Da janela só se pode olhar, e o que se vê? O papel voando com o vento, vento? pipa, pandorga, papagaio, voar!!!
Correr também não pode, lembrei!! Carrinho de rolimã...
E gritar? Também não pode, é preciso falar baixo para não aborrecer o vizinho, não pode isso, não pode aquilo, não pode, não, não...
Tempo e espaços cada vez mais escassos!
O fato é que criança necessita de espaço, da liberdade, da criatividade, da fantasia. Ela não deve, não pode viver sem a fantasia... sem o faz de conta...era uma vez... no tempo em que os bichos falavam... e por acaso bicho falava? Para a criança, bicho falava e fala, pensava e pensa, ria e ri, criava e cria. Isto é ser criança.
Criança é sinônimo de brincar. Ouço todos os dias: hoje vamos brincar de quê? Qual é a brincadeira de hoje?
Na brincadeira infantil, a criança vivencia uma situação imaginária, as regras, ela própria vai inventando na medida certa e estas, corresponderão à definição do jogo de papéis, das tomadas de decisões, e da iniciativa, aprendendo também ao respeito às regras sociais, aos sentimentos e aos desejos expressando-os e percebendo dos outros.
A brincadeira não pode acabar, a fantasia deve existir sempre pois a criança constrói o mundo ao seu redor a partir das coisas que vê, faz, pensa... E se a criança não pensar? O adulto pensa... E quando a criança crescer? Se ela não aprender desde pequena a pensar, criar, fantasiar, todas as outras crianças deixarão de existir.
" A criança è o futuro da nação", não sei quem disse isto, mas eu sei que não haverá nação, não haverá futuro e menos ainda, criança, se tudo continuar do jeito que está. A criança precisa aprender a brincar como antigamente...
Jacqueline Carraro.
Jacqueline Carraro
Enviado por Jacqueline Carraro em 12/09/2007
Código do texto: T649780

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Jacqueline Carraro
Ponta Grossa - Paraná - Brasil, 52 anos
6 textos (269 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 15:55)
Jacqueline Carraro