Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRIMAVERA, JUVENTUDE E AMOR

Evaldo da Veiga

Da televisão, gosto de pouca coisa. Hoje, pela manhã, 
após o jornal ou durante ele, já não lembro, focalizaram 
os idosos sob a ótica do amor.
É a natureza em sua programação sensual, em evidência, 
trazida por esta esplêndida Primavera de luzes, flores e amor. 
Ontem, também na televisão, vi pássaros, bichos grandes 
e pequenos, dando cantada pra fazer amor.
Que lindo a vida quando não envolve seres peçonhentos, 
tipo político brasileiro.
Uma senhora de oitenta anos declarou à entrevistadora 
o motivo do seu amor pelo colega de asilo, um gato de setenta anos; 
aliás, gatinho, dez anos mais novo.
- “você gosta de pitanga?” – ele perguntou.
Ela emocionou-se. Que lindo, só podia ser uma cantada poética. 
No dia seguinte estava sentada no mesmo lugar, 
esperando que ele passasse, pela manhã, e ele disse:
- “oi Isabel, o que é bom volta, hein?”
Ele pronunciou o seu nome, não havia dúvida, 
era uma cantada espetacular.
A entrevistadora colocou-os frente a frente 
e ele respondendo perguntas sobre a idade dela, oitenta anos, 
declarou :- “quanto mais vamos envelhecendo o amor é mais novo”.
Toque de mãos começou e continuou intensamente; 
aperto delicado nas pontinhas dos dedos era o desejo explodindo. 
Isabel, uma Santa Senhora de oitenta anos,  repleta de tesão: 
das pontas dos cabelos da alva cabecinha que imaginava coisas, 
até a pontinha do dedão do pé. Que lindo!
Noto que o amor é sempre jovem, assim com a Primavera, 
as Flores e a Poesia
E salve a Primavera, o Amor e o Tesão, fontes de vida.

Imagem: Orquídea, enviada por DARCT,
                querida amiga.


evaldodaveiga@yahoo.com.br
Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 27/09/2007
Reeditado em 08/06/2012
Código do texto: T670633

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 74 anos
952 textos (314114 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 20:20)
Evaldo da Veiga