Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor da minha vida ?

Lamber o chão que você passa, não é tão ruim assim.
Eu preferiria usar minha língua em outros atos, que trariam mais prazer, mas se assim você prefere, faço tudo ao seu gosto.
Ajoelhar e curvar-me diante de suas atitudes de macho é até bom ! Assim, eu consigo mostrar minha elasticidade e desempenho como mulher.
Quando de sua boca parte um grito em minha direção, abaixo a cabeça, desvio meus pensamentos para que o estrondo não cause efeito e sorrio pra dentro, pois dizem que sorrir espanta as tristezas e eu não quero ser triste com você.
Afinal, você é a pessoa que eu escolhi pra estar comigo pro resto de nossas vidas.
Até mesmo quando sua mão encontra meu rosto num carinho mais pesado,  eu devo entender e receber o tal "afago". Senão, como numa roda de amigos, você poderia dizer  o quanto você é forte ?
E quanto ao hematoma, não tem problema, não se preocupe, eu explico para as crianças que são marcas de amor...
Mamãe me ensinou que eu deveria ser boa e ter muita paciência. Veja como eu aprendi bem.!
Veja em minha face o sorriso (hoje) falho que ontem te enamorou e em meus braços arroxeados, o abraço que te acolheu.
Mas acima de tudo, olhe através destas olheiras, meus olhos vermelhos que dizem o quanto eu me sinto feliz e realizada ao seu lado.





* E dá-lhe "Maria da Penha"!


Ana Beatriz
Enviado por Ana Beatriz em 30/09/2007
Reeditado em 01/12/2007
Código do texto: T674518
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ana Beatriz
Brasília - Distrito Federal - Brasil
11 textos (643 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 22:10)
Ana Beatriz