Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estranha carência

Penso que para se chegar a algum lugar nesse mundo, precisamos lutar e abandonar certas coisas, em meu primeiro ano de faculdade noto o quanto os meus estudos foram prejudicados perante a minha falta de preparo... falta de sentido... me via em uma estranha carência, carência essa que me mostrava que não era o que eu queria, mas era uma luta pela qual eu precisava tentar vencer... talvez para provar a mim mesma que tal carência poderia se tornar completo preenchimento da minha alma.
Lutei muito, e continuo lutando para encontrar o meu caminho, o qual ainda não encontrei, mas continuo procurando.
Tanta solidão um dia deverá ser recompensada, minha dedicação total talvez algum dia receba o merecimento que eu sempre busco... não digo o que me vale em determinadas crenças ou religiões, mas acredito que tudo o que é nosso está por vir e ainda que todos tentem ir contra nossa vontade, deve-se lutar pelos sonhos e alcaçar as metas...
... o ser humano é um bicho complicado, se sente sempre muito aquém do que deveria se sentir, todos sentem essa estranha carência, esse vazio que consome e não deixa que possamos viver em paz, a alcanças nossas metas.
Para tanto, foi importante para eu escrever essa crônica, primeira e talvez última, para tentar suprir a estranha carência da qual me referi o texto inteiro... e mesmo que não a tenha suprido, talvez te ajude a ver com clareza que todo o seu potencial deve ser aproveitado e o que você tem valorizado.
Anya B
Enviado por Anya B em 06/10/2007
Código do texto: T682666
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anya B
Barrinha - São Paulo - Brasil, 28 anos
9 textos (626 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 11:00)
Anya B