Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Que estranho personagem eu fui ser!

Que estranho personagem eu fui ser!
Em uma historia inacabada que a partir de agora se torna interminável, graças a você. O meu medo se tornou inevitável,tudo parecia andar na contra mão,mas diante dessa situação eu me fortaleci e venho em um processo de reconstituição.Recomeçar da estaca zero.
Esquecer do passado também é viver,já que a vida é contraditoriamente contínua ,mas ao mesmo tempo passageira.
Você já representou parte consideravelmente grande da minha vida.Um erro meu,só .
Seguramente, posso afirmar que você é de fato o meu passado,agora,se eu  disser que já te esqueci completamente seria uma falta de respeito com meus sentimentos e comigo mesmo.Pode até ser que um dia você me enxergue,mas eu vou estar feliz,com outro alguém que me ame e me satisfaça mais que dois de você juntos .Deus é fiel, minha querida,é fiel.
Cada um é cada um,e todos temos nossas qualidades que nos particularizam e torna-nos um exemplar especial na banca.

Murillo Leal
Muma Leal
Enviado por Muma Leal em 17/10/2007
Código do texto: T698356

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Murillo Leal). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Muma Leal
Cornélio Procópio - Paraná - Brasil, 27 anos
24 textos (2074 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 09:20)
Muma Leal