Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A dor de não poder amar

Ontem encontrei uma pessoa que a muito não via, alguém que foi, e ainda é muito importante em minha vida. Não sei explicar direito o que senti naquele momento, foi uma mistura de dor, saudade, decepção, sei lá... Os sentimentos se misturaram, mas a única coisa que tenho consciência, é que queria estar com ele naquele momento. As vezes a vida nos aproxima das pessoas para resgatar algo que ficou do passado, coisas que não foram resolvidas em outras vidas e terão que ser resolvidas agora. Esse amor, cada dia cresce mais, porém tem algo muito forte que impede dele frutificar... Todos nós tentamos mudar o ser amado. Tentamos de todas as formas, moldar os outros como gostaríamos que eles fossem, só que infelizmente não é assim, e acabamos nos decepcionando com eles porque não acataram a nossa vontade. Teve um tempo em minha vida, que eu o aceitava da maneira como ele era... hoje, tenho uma visão completamente diferente da vida, e o meu modo de vê-la, é completamente diferente da dele. Acho que a única coisa que ainda temos em comum, é esse resgate, essa mácula do passado que nos mantém unidos apesar da distância física. Só sei que quando os meus olhos se cruzam com os dele... acontece uma magia sem explicação, e tudo ao nosso redor se torna insignificante, a única coisa que existe são dois seres em busca de uma explicação plausível para tamanha magia. Não sei se um dia vamos ficar juntos, pode ser aqui, ou em qualquer outra dimensão, a única coisa que sei, é que ele foi, é, e sempre será uma pessoa que marcou muito minha existência, e fez de mim uma pessoa melhor.
Adriana Parise Pinheiro
Enviado por Adriana Parise Pinheiro em 18/10/2007
Código do texto: T699495

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Adriana Parise Pinheiro
Santiago - Rio Grande do Sul - Brasil, 38 anos
40 textos (4183 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 13:09)
Adriana Parise Pinheiro