Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Paralelepípedos

Aconteceu em uma pequena cidade do interior do Estado de São Paulo. O prefeito era um homem muito dinâmico e trabalhador. Não gostava de ver o serviço que precisava ser feito sem que ninguém o fizesse. Era daqueles que, se fosse necessário, pegava na picareta e ajudava os trabalhadores braçais a avançar com a tarefa do dia. Foi com esse espírito empreendedor que ele procurou atender aos anseios de toda a população de seu município.
Além da construção de guias e sarjetas, viadutos, iluminação de ruas e bairros inteiros, o prefeito também colocou calçamentos em todas as ruas da cidade. Não ficou nem uma sequer, sem receber paralelepípedos. A cidade estava um verdadeiro brinco. Foi uma gestão digna dos maiores elogios. Ninguém ousava falar contra a administração do prefeito que mais trabalhou para o povo. Se na época houvesse reeleição, certamente ele seria reeleito.
Depois de muito trabalho e da consciência do dever cumprido, era chegado o momento de escolher o sucessor para que as obras pudessem ter continuidade e a cidade manter o ritmo de progresso que vinha tendo até aquele momento. Candidatos não faltavam. Todos sabiam que seria uma disputa muito fácil. Aliás, ninguém queria disputar contra porque sabia que seria uma batalha perdida. O prefeito dificilmente deixaria de fazer o seu sucessor.
A campanha foi para as ruas e as pesquisas apontavam vitória muito fácil, mas nem por isso o prefeito amoleceu seu discurso. Experiente, dizia sempre que uma eleição se ganha nas urnas (e, convenhamos), ele estava certo. Não podia deixar nenhuma margem de dúvida, por isso, logo no primeiro comício, no ímpeto de seu discurso disse: “Nossa cidade hoje pode se orgulhar porque teve um prefeito que construiu viadutos; guias e sarjetas, iluminou ruas e bairros e paralelepipeidou a cidade inteira”.
O povo todo despencou em risos e gargalhadas. Mas não foi esse pequeno descuido que derrubou quatro anos de trabalho e dedicação. Ele venceu as eleições e, até hoje, quando se fala em comício, o povo lembra do prefeito que, (um dia), conseguiu paralelepipeidar a cidade inteira. Acredite se quiser. Esta história aconteceu (mesmo).
fiore carlos
Enviado por fiore carlos em 25/10/2007
Código do texto: T708718

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
fiore carlos
Limeira - São Paulo - Brasil
860 textos (316691 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 22:08)
fiore carlos