Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONVERSA COM O TRAIDOR

 

                - Olá como vai ?
                - Vou muito bem,  meu amigo, estou bolando uma grande traição!
                - Sempre que voce me chama de amigo tem um tom debochado,  vejo em seus olhos um brilho de maldade.
                - Sempre que estou por concluir uma traição eu fico muito feliz, deve ser por isto.
                - Lembra da sua primeira traição?
                - Claro que sim, jamais vou esquecer, pratiquei a maior de todas as traições, e a primeira traição a gente nunca esquece.
                - Quem voce traiu?
                - Foi a pessoa que eu mais invejei, eu e minha mulher bolamos tudo junto.
                - Só por inveja?
                - Não só por inveja, eu não podia ser o segundo, queria ser o primeiro, queria fazer tudo do meu jeito, mas tudo que eu fazia não estava certo, a soma disto foi fazendo crescer um desejo de acabar com a pessoa que pensava ter em mim um amigo.
                -  Mas esta pessoa não lhe dava oportunidade de resolver as coisas?
                - Ele dava sim, mas sempre tinha uma solução melhor, mais justa, mais correta, e sempre com  muitos e bons motivos pra  refugar minhas soluções.
                - Então ele fazia voce sentir-se burro?
                - Exatamente, não tinha nada pior!
                - Mas trair um amigo de infancia, uma pessoa que gostava e confiava em voce, não é certo.
                - Além de certo é muito bom, eu descobri que mentindo, traindo, inventando coisas eu podia prejudicar o sabe tudo, eu podia enfim derrotar o cara que estava acima de mim.
                - Derrotar, mas ele não era seu inimigo.
                - Era sim, apenas ele não  sabia, mas eu sabia, e não deixei barato, roubei tudo que ele mais gostava.
                - Como esta a pessoa que voce  traiu?
                - Não sei, ela não existe mais, ha, ha, ha,ha......
                                   
canoas
Enviado por canoas em 02/11/2007
Reeditado em 04/11/2007
Código do texto: T719882
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
canoas
Canoas - Rio Grande do Sul - Brasil, 63 anos
41 textos (1823 leituras)
1 e-livros (24 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 13:48)