Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SAUDADE

Quando crianças, pensamos que o tempo não vai passar e viveremos para sempre crianças. Corremos, pulamos e muito mais. O sonho é eterno como Deus. Os bichos são nossos amigos e até falam conosco ou nós com eles. Numa infinita história de magia. Nessa história não há bandido só heróis, eles estão sempre dentro de nós e nos momentos de brincadeiras eles saem e cada um de nós nos transformamos neles para defender o mundo imaginário que criamos. Na nossa mente, vêm os dinossauros, as florestas, os pássaros, os peixes e outros. Todos falando conosco e contando suas dificuldades e/ou alegrias.

Quando somos crianças, viajamos para o futuro, para o passado e ainda temos a possibilidade de estarmos em lugares nunca dantes navegáveis ou exploráveis. Viajamos até sem termos condições financeiras para tal. Como por exemplo: irmos a Hollywood e a Disney Word conversar com nossos parceiros, Pateta, Donald, Tio Patinhas, Huguinho, Zezinho, Luizinho, Margarida, Mikey e outros. Oh que saudade!

Como era bom ser criança, trazer dentro de nós a inocência que só elas têm. A pureza dos sonhos que nunca vão embora e do prazer de estarmos com nossos parentes e amigos, com aqueles que ficaram no passado e não chegaram até aqui mas ainda vivem em nossos sonhos, eternos sonhos. Que saudade!

Como era bom ser criança e espelhamo-nos em nossos craques com a bola no pé, nos cantores que marcaram histórias e acima de tudo naqueles que nos amavam como a vovó por exemplos. Oh que saudade!

Que saudades de ser criança, subir nas arvores, em seu galhos mais altos e feliz se balançar neles. Que saudade!

MIGUEL NASCIMENTO - RIO LARGO -  AL
Miguel Nascimento
Enviado por Miguel Nascimento em 03/11/2007
Código do texto: T721302

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Miguel Nascimento). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Nascimento
Rio Largo - Alagoas - Brasil, 48 anos
124 textos (9591 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 10:57)
Miguel Nascimento