Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Último Show de Raul Seixas

“Sonho que se sonha só
             é só um sonho que se sonha só,
             mais sonho que se sonha junto é realidade.”

              Com esta musica do poeta Raulzito,  meu amigo Pedro decidiu, vou ao show em Poços de Caldas, e eu o abonei dizendo: “Meu amigo Pedro. Onde se vai eu também vou!?!”

Assim resolvemos sonharmos juntos... E tornar  realidade a viagem,  assistir ao vivo nossos ídolos Raul Seixas e Marcelo Nova.

Com apenas dezesseis anos, e com o mesmo show agendado para minha cidade, na  semana seguinte, tive uma forte oposição da família, mas me sai muito bem,  usando  é claro mais uma pérola do poeta:

                 “Pai eu já tô crescidinho
                 Pague prá ver, que eu aposto
                 Vou escolher meu sapato
                 E andar do jeito que eu gosto
                 E andar do jeito que eu gosto”

E existia mais um problema a resolver... a namorada.

                 “Se esse amor
                   Ficar entre nós dois
                   Vai ser tão pobre amor
                   Vai se gastar...”

Sua resposta:

                    "O que eu queria mesmo era ir com vocês
                    Mas já que eu não posso:
                    Boa viagem, até outra vez.
                    Agora...
                    O Plunct Plact Zum
                    Pode partir sem problema algum
                    Plunct Plact Zum
                    Pode partir sem problema algum
                    (Boa viagem, meninos.
                    Boa viagem).”

                 Embora ele tenha cantado apenas uma musica, tive a honra de presenciar um grande poeta brasileiro.

                                              dcapitaneo@gmail.com


 

Douglas Capitaneo
Enviado por Douglas Capitaneo em 09/11/2007
Reeditado em 13/03/2008
Código do texto: T730852

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Douglas Capitaneo). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Douglas Capitaneo
Varginha - Minas Gerais - Brasil, 44 anos
18 textos (5470 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 16:07)
Douglas Capitaneo