Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pô, aí não né Nibiru !!!

   Gosto muito de astronômia, ufologia e afins. Desde criança já gostava destas coisas do espaço sideral. Acho que um dia até vi (mesmo) uma nave extra-terrestre! Isso deixa para depois ...
   Minha curiosidade leva-me a ler diversos textos sobre planetas, possíveis cicilizações e (supostas) visitas, que recebemos periódicamente de nossos "amigos do espaço".
   Ontem passei os olhos num texto que me deixou atencioso com relação ao nosso futuro, o dos  humanos.
   Falava de um certo planeta conhecido como "planeta x", chamado também de Nibiru, Slo, Hercólobus, Marduk, Nêmesis e outros nomes ditos por antigas civilizações aqui da Terra. Segundo os Sumérios (povo que viveu há 6.000 aqui na Terra), há um raça que vive neste misterioso planeta; Os Nefilins ou " o povo gigante ", que os visitava em sua época ensinando-lhes cálculos e outras noções modernas de cicilização. O fato (segundo a matéria) é que este planeta tem uma órbita muito longa e a cada 3.600 anos ele "cruza" a órbita do sistema solar, passa entre Marte e a Terra. Esta passagem causaria "cataclismas" nos planetas mais próximos e seria responsável, por exemplo, pela extinção dos dinossauros.
   Até aí ...  3.600 anos? ah vai demorar para passar por aqui novamente hein!
   Que nada! A matéria diz também que a próxima passagem ocorrerá entre 2012/2013! Causando cataclismas em nosso tão bonito planeta e seu vizinho vermelho ...
   Fiquei meio encucado pois a copa do mundo, aqui no Brasil, será em 2014, certo? Então se Nibiru passar e causar cataclismas em 2012/13  não poderemos assistir este tão sonhado evento ...
   Pô, aí não né Nibiru !!!
Douglas Oliveira
Enviado por Douglas Oliveira em 14/11/2007
Reeditado em 14/11/2007
Código do texto: T736987
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Douglas Oliveira
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
32 textos (1495 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 02:48)
Douglas Oliveira