Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

REFLEXÕES.

         Vinha andando perto de uma estrada asfaltada, para fazer um pouco de exercício, a fim de espantar o mau colseterol o alto triglicérides, quando encontrei um amigo.Dias atrás ele teve um pequeno derrame cerebral e está com a boca um pouco torta. Um bom sujeito. durante um bom tempo eu fui seu vizinho. Sempre chegava em casa às duas horas da tarde e a noite por volta das nove horas. Dava prá notar que ele sempre tomava umas. Pelo cheiro da comida, notava-se que era um pouco pesada para a idade. Isto antes do derrame. Eu sempre comentava para minha esposa que não era correta a alimentação dele.

      Agora após o acontecido ele nunca mais tomou umas, nem come pesado e está sempre caminhando prá  prevenir futuros problemas de saúde. Vendo-o assim caminhando, pensei: Daqui prá frente ele terá que está sempre dando mais importância para a saúde. De hoje em diante esta será sua tarefa. Teve que mudar completamente o modo de encarar a vida. Praticamente daqui até o fim da vida este será o seu modo de viver.

      Caminhando e vendo o sol se pôr, continuei a matutar: Qual o sentido da vida? O que viemos fazer?

Aí me veio uma idéia maluca: Parece que fomos colocado no mundo para uma missão e às vezes não percebemos... E de algum lugar, tem alguém ou algo esperando que façamos alguma coisa, e nós vamos deixando a vida correr sem fazer nada.

    Será justo tanta gente passando necessidades básicas, como comer, beber uma água sadia, vestir roupas, ter uma moradia confortável, e nós assistirmos isto passivamente sem agir, tomar uma atitude?

     Pensando bem a vida se torna monótona e sem sentido. Todos os mêses a gente recebe o salário, paga as contas: do mercado, escola, água, luz, etc. Quando sobra alguma coisa, compra uma roupa, uma nova televisão, uns brinquedos para as crianças, e assim vai passando a vida. Entra dia, mês, ano... É só para isto que estamos vivendo?... Parece-me muito pouco.

     Tentamos ser bons, amigos, colega de trabalho,eficiente no nosso labor, bom esposo, um pai(ou mãe) amoroso(a). Um cidadão que participa da vida do município, estado, país, etc. Mas quando se chega a uma idade mais madura, quastionamos: Foi o suficiente? O que mais poderia ter feito?

        Atentando para o que acontece ao nosso redor, vejo nas religiões as pessoas indo diariamente´`a Igreja, aos diversos templos religiosos. Alguns prevendo para breve a volta do Cristo, para salvar o mundo, quase com desespero..

         Na televisão, no radio, enfim na mídia: o assassinato, o estupro, a guerra pelo petróleo, por divergências religiosas, o roubo, a corrupção, muitos querendo levar vantagem em tudo....

        Volto um tempo atrás em 1969. Eu fui para São Paulo, para estudar, trabalhar. Andei de ônibus, trem, a pé, durante muito tempo e não vi nada de que me metesse medo. Mas hoje aqui na minha pacata cidade houve nesta quinta-feira passada, um assalto, consumado a um caminhão e uma outra tentativa. Ano passado um grupo armado entrou na delegacia resgatou um preso e o matou. Outro foi encontrado morto na estrada. Um irmão matou outro com um tiro no olho, enquanto o outro dormia. Roubo em casa de comércio, nas escolas é frequante... É neste momento que penso: E daqui a mais 38 anos, como estará este país, o mundo, se não tomarmos providência urgente? Tenho um filho de 3 anos e como será quando ele estiver com a minha idade, 57?

     As coisas estão indo depressa demais... Os bens, as riquezas que estão sendo produzidas, não são divididas de uma maneira razoável.

     Quando ouço dizendo, na mídia, que  o comunismo não deu certo e o que dá certo é a economia de mercado:  o capitalismo. Sinto um aperto no peito. Dê uma olhadinha nas favelas, na África, na Ásia. O regime lá é o capitalismo. Tá dando certo?

        Se o comunismo não vingou, se o capitalismo está falido, temos que repensar o mundo ou será preciso que Jesus volte para nos mostrar o caminho...

        Será que só temos inteligência para o egoísmo, para ganhar dinheiro, levantar vantagem?

          E SE POR ACASO NÃO HOUVER  E NUNCA HOUVE CRISTO?.....

Desculpe-me se fui desagradável e ateu. Atualmente tudo o que estou vendo  está deixando-me profundamente sentido. Sempre procuro sinais de uma  intervenção de algo superior, que não aparece...

Por favor se vc tem uma explicação para o que está contecendo, dê-ma. E-mail: reinaldo.s.barreto@hotmail.com
Reinaldo Barreto
Enviado por Reinaldo Barreto em 19/11/2007
Reeditado em 21/11/2007
Código do texto: T743855

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Reinaldo Barreto - Barra do Mendes_BA). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Reinaldo Barreto
Barra do Mendes - Bahia - Brasil, 67 anos
52 textos (28681 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 12:21)
Reinaldo Barreto