Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
FIM

O fim de ano chega e a gente fica mais gente, mais simples, mais sensível, mais cordial, mais amigo... Sendo assim bem que todo dia poderia ser fim...
Tipo fim de tarde pra gente poder ir a praia, sentar na calçada, jogar conversa fora, encontrar os amigos, ver o sol ir embora...
Fim de noite, com estrelas, com gente na rua, com lua cheia, com filme em casa e mãos e bocas cheias de pipoca,...Com aquelas gargalhadas.
Fim de escola, pra riscarmos nossa camisa e a do colega, rirmos sem parar, ganhar abraços, sentir saudade.
Fim de jogo que nosso time ganhou, pra correr, gritar, pular, e fazer daqueles minutos a mais sincera euforia...
Fim de jogo que nosso time perdeu, pra chorar, pra ganhar abraços, pra esvaziar o peito e começar tudo de novo...
Fim de expediente, pra sairmos sem fechar a gaveta, pra descermos a escada a mil doidos pra chegar em casa, e vermos tudo recomeçar...
Nem sempre o fim é aquilo que nos deixará órfãos. Nem sempre o fim é o que nos fará sofrer.
O fim dos que amam é mais amor mesmo que a estrada passe pela solidão.
O fim dos que choram é ser consolados, mesmo que as lágrimas sequem-se pouco a pouco...
O fim dos que esperam é a certeza de que a vida renova em nós a esperança de um novo recomeço.

Bom fim de ano... Bom recomeço de vida!
Tiago Alves
Enviado por Tiago Alves em 29/12/2005
Reeditado em 04/01/2006
Código do texto: T91636
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tiago Alves
Macaé - Rio de Janeiro - Brasil, 41 anos
15 textos (1292 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:49)
Tiago Alves