Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quer se perder em meus braços?


Me perder e me encontrar
Enroscar e pleitear
A paz que só consigo ter
Quando teus olhos fitar

Te permito explorar,
Quero poder sempre te dar...
A Paz que terás nos meus olhos,
Me fará em teu remanso navegar...

Explorarei com calma
A alma impoluta
Onde a brisa faz morada
No arco-íris do mar

Permitirei teus devaneios,
Viajarei no teu sonho,
Entregar-me-ei por inteiro,
Serás o meu precioso pote de ouro

Na asas de Ícaro tu serás minha
Bailaremos nas ondas
Em suave aventura
Olhos nos olhos...

Conhecerei teus segredos,
Mergulharei sem pestanejar,
Nas profundezas dos teus olhos,
Quero tranquilamente navegar...

Em meio ao vento
Corpos buscando-se
Usufruindo, sentindo
A entrega plena

Minha embarcação é segura,
Você pode sem medo se entregar...
Neste momento, sedenta,
Busco-o aonde quer que você vá...

A barcarola se faz ao mar
Para navegar com você
No farol ela pára
Seus olhos buscando

Meus olhos são teus guias
Tamanha a luz que irradiam
O farol torna-se acessório,
Diante do espetáculo que se anuncia

É verso, é prosa
Reverso da alma
Açula o momento
Encontro ansiado 

Verso e reverso,
Da mesma história,
Tê-lo em meus braços,
Será minha glória 


Calaf e Akasha De Lioncourt
(17/08/2006)
Akasha De Lioncourt
Enviado por Akasha De Lioncourt em 18/08/2006
Reeditado em 01/02/2010
Código do texto: T219021
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Akasha De Lioncourt
São Paulo - São Paulo - Brasil, 45 anos
706 textos (1034735 leituras)
72 áudios (109732 audições)
30 e-livros (56832 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 13:06)
Akasha De Lioncourt

Site do Escritor