Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem ser você, ninguém entende

Pé de pato ou pé de galinha?
O certo é que as pegadas ficam parecidas.
Já é meia-noite?
O taxi dá 15.
Gás colorido ou barulhento?
Hum, aquele que for mais repentino.
O show está começando?
Vamos correr.
Bagunça ou serenidade?
Tanto faz, o importante é sorrir no final.
Buraco no lençol ou falta de papel higiênico?
Ah, ri disso também!
Pão de milho ou um beijão?
Aquele que aparecer de surpresa.
Por que o apego é tanto?
Não tem explicação porque a gente sabe que a  pequena roda um dia se torna uma quadrilha. Mas ainda assim, gostar é um caminho sem volta, mas é só assim que uma coisa se torna infinita.
D Ana
Enviado por D Ana em 02/09/2006
Reeditado em 18/06/2013
Código do texto: T231007
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
D Ana
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil, 29 anos
32 textos (2685 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 16:32)
D Ana