Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ameaça Vermelha - Inominável Ser & Agnes Mirra

Sentada em minha alcova

Afasto os fios sangrentos do rosto

Para te visualizar





Minhas mãos te chamam

Te convido a dividir comigo este reino

Meu mundo

Meu caixão





Caio em vosso caixão

Seus cabelos vermelhos

São as covas amáveis

Onde gélido não se conversa





Ouço sua voz

Doce mortal

Sua alma e sua mortalidade

Agora me pertencem





Te envolvo com os fios vermelhos

Absolvo seu coração

Agora você está no meu reino

E eu sou a ameaça para a sua alma

E o apocalipse para seus dias





Ao seu cadillac rosa

De gótica aurora rubra

Carrego-me

Entrego-me

Seduzo-me

Avalio em ritmo louco

A alvorada vossa de belezas

Que rubras em silvestres mesas

Saboreio com louca certeza

De ser-te um escravo dócil





Imortal como eu

Agora meu sangue te alimenta

Te fiz

Agora és parte minha

Te trouxe ao meu reino vermelho

De onde jamais sairá





Eu não sairei de vosso reino

Sou aquele que se ajoelha

Diante de vossa rubra beleza

E que lhe beija os rubros pés

Para como uma Deusa

Fazê-la feliz em ter aos pés

Um obediente escravo entregue

A ti como escravo eterno





Escravo eterno a lamber-te o sangue

A escorrer-te de onde escorre

Escravo eterno a deixar-te lamber

O meu sangue

A escorrer-me d'alma

A escorrer-me do coração

A escorrer-me de um lugar secreto

Como vosso lugar secreto

Do qual vosso sangue escorres

 

                                             Agnes Mirra

                              A RAINHA DOS DELIRANTES

 

                                                Inominável Ser

                                           SANGRANDO DELIRANTE







Poema originalmente publicado em meu blog em conjunto com Agnes Mirra, Delírios Inomináveis (http://deliriosinominaveis.blogspot.com), em 20/11/06; republicado em outra versão no blog de Agnes Mirra, Delírios Agnescos (http://deliriosagnescos.zip.net)em 17/11/06; e republicado em minha Cova Abismal De Poemas Sombrios (http://coabposo.spaces.live.com) em 21/11/06.
Inominável Ser
Enviado por Inominável Ser em 21/11/2006
Código do texto: T297478

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Inominável Ser
São João de Meriti - Rio de Janeiro - Brasil, 40 anos
85 textos (31727 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 08:02)