Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

No árido chão...

2)
No árido chão...
Guida Linhares
 
Vejo pedaços de mim espalhados
no árido chão, amarelados pelo tempo.
Esqueci os tantos sonhos
que douraram a inquieta juventude.
Apenas restaram velhas recordações,
impregnadas em retratos dispersos
no árido chão. Agora dorme ao relento,
um pedaço do coração.

Santos SP 16/10/07
****

1)
PEDAÇOS DE MIM XXIX
Anna Peralva
 
Não penso mais em fugir
nem desejo asas para voar.
Cansei de tanto resistir
nas corredeiras do rio amar!
Quero meus sonhos deitar
no silêncio das madrugadas,
mergulhar em terras distantes
a alma também cansada!
 
01/10/2007
 
***
 
Guida Linhares
Enviado por Guida Linhares em 16/10/2007
Código do texto: T696782
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Guida Linhares
Santos - São Paulo - Brasil, 70 anos
1957 textos (162493 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 18:43)
Guida Linhares

Site do Escritor