Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Muito nas noites.

Angélica T. Almstadter

Não creio que acredites que só de bons dias está repleta a minha mesa, e nem tenho certeza de que és absolutamente convicto que as boas noites passeiam cheirosas nos meus lençóis, mas é quase certo que na tua imaginação anjos me despertam tocando harpas e anoiteço envolta só pela brisa noturna...
Quem dera meu dia não fosse feito de rotinas maçantes, de silêncios cortantes e um enorme rio de palavras frágeis...
Assim frustro a expectativa de quem me olha pela fresta e me percebe o perfil diante do espelho entre o silêncio calmo da minha prosa amorosa e o fáctuo fogo da minha maturidade adolescente...
Há pouco a se dizer dos bons dias, já que não estão sobrando nas xícaras, nas fatias já sem gosto da apressado amanhecer...
Muito hei de falar ainda nos boa noites quase sépias, antes da profundidade da noite que mora nos cantos insones do meu quarto solitário...pois enquanto meus dedos não perderem as digitais e se reconhecerem diante das minhas verdades, sem se afastarem na multidão dos Alzimers ...eles estarão afoitos entre papéis, corpos, objetos e um teclado gritando pacíficamente...ou chorando ansiosamente pela vida que escoa sem tempo certo...
E para quem fecha os olhos e sonha com a nuvem de palavras adestradas volitando da minha mente profícua...restará a esperança de bons dias ansiosos, bons dias cheios de temores e deseperanças...assim como boas noites apaixonados como eu, boas noites sensualmente
desenhados pela minha mente voluptuosa e cheia de magia...
Não fecharei os olhos nas noites em que a minh'alma entender que quer ser eterna...nem vagarei pelos dias, quando me pedirem sensatez,
quero a vida aos goles...sem pressa e sem saber os rumos que me aguardam na ponta de cada promessa...
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 23/04/2005
Código do texto: T12627

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55633 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 08:36)
Angélica Teresa Almstadter