Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Os Sinhos

Na Floresta Drigal, próxima ao rio Sofia, vivia numa simples cabana, o mago Karin que com entusiasmo esperava o despertar do príncipe Rik. Pelo feitiço de seu tio, Rik deveria ficar paralisado por 5 gerações e com a subida ao trono do Rei Naldo, chegava o fim a profecia..
Deitado na cama, um jovem rapaz despertava de um sono profundo totalmente desorientado, com trajes velhos, chamava-lhe a atenção um pulseira brilhante no braço..
- Bom dia jovem !!
- Onde estou ? Quem sou eu?
- Com o tempo tudo vai se esclarecer.. Descanse um pouco..
Karin havia percebido que o sono profundo havia desaparecido com a memória do jovem príncipe e decidiu não revelar sua verdadeira identidade...
- Vc estava caído no meio da estrada e eu te trouxe pra minha cabana..
- Não me lembro direito de nada...
- Calma... Apenas descanse..
Karin decidiu levar sua vida normalmente e deixar o destino decidir qual seria o futuro do nobre rapaz...
Passou a ensinar-lhe toda a arte da cura, arte da qual era grande conhecedor.. Passou ao garoto tudo o que sabia sobre como ajudar pessoas feridas, ensinou o poder da felicidade que poderia curar quakquer doença... Soh não ensinou ao jovem o poder e a magia do amor..
Enquanto isso no palácio do Rei das Sinhos.. O Rei se desesperava atrás de sua filha, a pequena Ani...
O Rei Naldo, era um rei muito bondoso.. Assim como seu antecessores, procurava manter a paz e a harmonia no reino.. Vivia com sua esposa Mahr e sua filha a doce Ani... Mas um feitiço feito por um mago doentio do Reino dos Sifs transformou a Rainha Mahr em um imenso dragão e trancafiou-a em alguma parte de Ustgard, ninguém sabia o paradeiro da rainha.. Com isso o rei muito triste foi levando sua vida procurando manter a paz e cuidando da filhinha...
- Ani!!!!!! Onde vc está filha?? Mas onde eh que essa minina se meteu???
- Majestade!!! Encontramos a princesa!!!
-       Ani! Jah falei pra vc que não era pra mexer no estoque de comida do castelo... Vc soh pensa em comida!!! Fecha essa boquinha por favor!!
- Ahhh papai!!! Tava soh comendo uns chocolates...
- Pelo amor de Deus filha....
A princesa Ani era uma garota linda, doce e meiga.. Vivia correndo pelo castelo pensando na vida, nas flores, nos rios, nas frutas, num grande amor que um dia teria e também em... comida. Esse era o único probleminha que ela tinha.. Adorava comer.. Era louquinha por comida.. E isso ainda seria a causa do maior problema que o reino jah teve, mas isso será narrado mais pra frente... Houve um episódio, em que a princesa ateh brigou com a sua bichinha de estimação... a  Lydi.. Ani estava no pátio do castelo degustando um chocolate em forma de coração (pra variar) quando Lydi pegou o chocolate e saiu correndo.. Quando a princesa a alcançou, o chocolate jah havia acabado.. A princesa ficou tão irada que pintou a bichinha de rosa e deixou ela sem comer por uma semana... Foi na despensa do castelo e comeu cinco barras de chocolate.. O pior eh que a princesa não engoradava.. Ela sempre continuava do mesmo jeitinho.. Linda, meiga, radiante.. O pai jah havia falado que o anel que ela carregava, antiga jóia da família possuía poderem mágicos.. Mas ela nunca acreditou... Quem sabe o fato dela não emagrecer não tinha algo a ver com o anel e o destino que ela nem imagina qual seria...
A princesa além de comer, estava estudando  muito sobre o poder das plantas, raízes e ervas da floresta Drigal.. Desejava um dia ser uma grande conhecedora das poções mágicas.. E para tanto vivia passeando pela floresta Drigal a procura de novas folhas e flores...
Num desses passeios, Ani caminhava por entre árvores e cipós quando avistou uma orquídea linda, maravilhosa toda radiante e perfumada.. Parou em frente a ela e ficou observando akela beleza rara quando de repente um tronco enorme começou a cair sobre sua cabeça.. Ela ficou muito assustada e nào conseguia mover-se... Foi quando alguém a agarrou e a tirou do trajeto da árvore que estava caindo...
- Vc está bem?
- Sim, muito obrigada..
- Meu nome é Rik e o seu?
- O meu eh Ani..
- O que vc fazia pela floresta?
- Estava passeando e vi essa linda fl...Ueh? Cadê a flor?
- Que flor eh essa?
- Não sei.. Mas era linda e nunca havia visto uma igual.. Era rosa, branca e linda!!
- Acho que sei qual eh.. Muito bela... (Mas não tanto quando vc...) pensou..
- Estou com muita fome..
- Hahahaha.. Venha comigo....
E eles foram rindo conversando ateh chegarem na  frente de uma enorme cachoeira... Lah Rik colheu frutas belíssimas, as mais variadas e coloridas possíveis..
- Onde vc mora Ani??
- Eu... eu ... moro aki perto.. Mas e vc? O que faz??
- Eu moro com meu padrinho Karin e estou aprendendo a arte da cura...
- Nossa!! EU tbm adoro a arte da cura.. Meu fascínio eh por poções mágicas..
- Que legal... Sabe... Eu....
- O que foi? .... Nosssaaaaaa!! Jah eh tarde preciso ir.. Ateh outro dia.. Xauuu!!
Ela se foi correndo pro meio da floresta...
- Estou apaixonado por vc...  Droga! Timidez idiota!!
Chegando no palácio, a rainha trancou-se no seu quarto e ficou pensando... Na flor, em comida, e em Rik..
-  Que coisa estranha que estou sentindo.. E não eh fome... Será que estou apaixonada?
Na cabana da Floresta, Rik estava furioso com a sua vergonha. Ateh discutiu com seu padrinho Karin, mas depois pediu desculpas e ficou deitado na grama num campo aberto observando o céu estrelado... Que aliás estava lindo, repleto de estrelas e com uma lua enorme e brilhante...
- Ani... Como vc eh linda.. Meiga.. Nunca senti algo assim antes...

                                                                                                          (continua...)
SidArtA
Enviado por SidArtA em 05/07/2006
Código do texto: T188325
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
SidArtA
Londrina - Paraná - Brasil, 32 anos
5 textos (342 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:53)
SidArtA