Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Silêncio

"Espere sentado, meu bem..."

(sem palavras)

"Não adianta, meu bem, querer agora, neste momento aquilo que eu digo que você só terá quando eu quiser que você tenha, querido"

(sem palavras)

"Eu decido a sua vida; eu digo quando você me terá, e você tem que entender isso. E saiba, querido, que é muito bom estar no seu lugar."

(silêncio contestador)

"Então, meu bem, sente-se aí nesta poltrona velha e espere. Espere. Espere. E quando não aguentar mais, espere mais um pouco."

(...)

"Sim, então adeus, meu bem."

"Adeus."

Ela vai-se.

Ele espera ela sair, e espera mais um pouco. De repente levanta, pega um papel e rabisca alguma coisa que queria dizer:

"O silêncio vale mais que mil palavras."

Pega o telefone, disca um número, fala qualquer coisa com alguém e desliga. Pega sua carteira e sai, perfumado.

Quando ela volta, ele não está. Apreensiva, ela obriga-se a acreditar que ele apenas foi arejar a cabeça.

Já no dia seguinte ele volta, com o nascer do sol.

"Onde você esteve, meu bem?"

(Sem resposta)

"Você está bem? Fiquei preocupada!"

"Sim."

"Ai, que bom, então venha aqui, me abraça!"

(Ele faz o que ela pede, sem falar)

"Esperou demais, querido? 'Me desculpa', mas agora sou toda sua."

"Agradeço, vou tomar um banho."

"Sim, vá...vou te esperar na cama."

"A propósito, realmente, é bom estar no meu lugar."

"Como assim, querido?"

(Ele não ouve, já está em outros pensamentos)

Ele se desagarra dela, pega outro pedaço de papel e escreve:

"Quanto menos falo, mais ela me ama. Quanto mais a traio, mais ela sofre por mim."
Vinicius Razumikin
Enviado por Vinicius Razumikin em 20/07/2006
Código do texto: T198379

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vinicius Razumikin
São Paulo - São Paulo - Brasil, 27 anos
23 textos (932 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 12:05)
Vinicius Razumikin