Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEM CURA



Um riso luminoso
Rico de inocência
Apareceu-me em sonho
E acordou-me
Angustiado
Olhos tontos
Motivo da ansiedade
Espiritualizada
E suavíssima
Mas terrível
Como o irremediável
Da fatalidade
Quando se chama de infortúnio
Os desvarios confusos
Perdidos pela vida
Tão sublimes como a morte
Ou como um prazer
Molhado de lágrimas
Mudança entre causa e efeito deste viver
No seu aspecto filosófico de ser...
E remetem as idéias
Para o melhor
Ou pior
Ou nada...


Miguel Eduardo Gonçalves
Enviado por Miguel Eduardo Gonçalves em 28/07/2006
Código do texto: T203973
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Eduardo Gonçalves
São Paulo - São Paulo - Brasil
909 textos (30712 leituras)
1 e-livros (38 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:40)
Miguel Eduardo Gonçalves