Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A AMANTE

A AMANTE
Eu sou a guardiã do seu segredo
Sua traição, seu medo
você tem mulher e eu sou seu brinquedo
Eu sou uma paixão vulgar
tenho esse despudor que te fascina
como uma doença que contamina
Você não pode ficar...
Mas não consegue me deixar partir
não tem mais forças pra lutar
Nem quer me tirar da sua vida
meu corpo é seu altar
e em mim vem se redimir
Eu sou seu vício, sua bebida
infiel, cruel e selvagem
vou onde quero
eu abro passagem!
Rio a toa e te desespero
te dou a angustia
das noites insones
e maços de cigarros você consome
Saio sozinha, caio nas farras
canto, danço, não tenho amarras
e você não dorme de tanto pensar
Que posso ser o brinquedo
de outro
Mas... e se eu gostar?!
JUNO
Enviado por JUNO em 05/10/2007
Código do texto: T681701
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
JUNO
Mairinque - São Paulo - Brasil, 49 anos
45 textos (2030 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 10:36)
JUNO