Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


J.Ruy, 50 anos , é um autor de muitas aventuras. Em seus dois romances de estréia, lançados pela Editora Novo Conceito : "É Preciso Saber Viver" e "Superando Obstáculos, Há um novo Caminho", o escritor traz histórias inusitadas de sua vida, contadas através de um olhar encantado, onde o otimismo é capaz de vencer todas as barreiras. Nesta entrevista exclusiva para o site Novo Conceito , o escritor fala sobre suas obras e o dom de escrever.

Quando começou a escrever e por quê?
J.Ruy : Comecei escrevendo bilhetes e cartas para minhas namoradas. Como eles fizeram um efeito arrasador, aos 19 anos já estava casado. Ai começaram os bilhetes e cartas exclusivas para minha mulher. Em 2002, ela havia conseguido a façanha de ter acumulado centenas deles. Pediu com sutileza que eu escrevesse um livro alegando que meus bilhetes e cartas, além de mensagens românticas, também traziam filosofias de vida, carregadas de muito otimismo e fé, tomei uma decisão: vou escrever minha historia, assim ela me dá sossego e ao mesmo tempo, coloco neste livro aquilo que meus amigos sempre insistem para que eu conte e reconte – minhas aventuras.

Desta maneira satisfiz o desejo de minha mulher e ao mesmo tempo, forneci aos amigos os primeiros manuscritos. Vendo que me expressava com mais nitidez através da escrita, não pude deixar de acreditar que tinha o dom e o gosto para escrever. Logo no início, percebi que o fato de escrever, não apenas me livrava da insistência dos amigos e da mulher, mas servia para mim como uma grande terapia. Estava, enfim, libertando todos os personagens que acumulei durante a vida em minha cabeça.

No que você se inspira pra escrever seus romances?
J.Ruy: A vida só faz sentido se estivermos sempre apaixonados. Minha inspiração pode vir do sorriso meigo de uma criança uma grande decepção com o mundo. Existe sentido em tudo na vida. Sinto que a inspiração para mim vem do fato de se prestar muita atenção nos detalhes, é nele que está a verdadeira essência da vida.

Quais seus autores favoritos?
J.Ruy: Richard Bach, Anthony Robbins, Jorge Amado, José Saramago, Arnaldo Jabor e muitos outros.

O que anda lendo?
J.Ruy: "O Ensaio sobre a Cegueira" de José Saramago.

Como constrói os personagens de sua trama?
J.Ruy: Eles surgem em minha mente e passam a fazer parte do meu dia a dia. Às vezes são pessoas que conviveram ou ainda convivem comigo, outras vezes os imagino de forma tão intensa que para mim passam a ser pessoas reais, deixo que todos tenham liberdade para se manifestar como quiserem. Quando escrevo é como se flutuasse através das mentes de meus personagens lendo seus pensamentos.

Para onde seus romances levam o leitor?
J.Ruy: Depende do estado de espírito de cada um, mas de alguma forma todos acabam refletindo sobre o verdadeiro significado de nossa existência. Isto eu noto ao conversar com os que tiveram acesso aos originais dos meus livros. Em alguma parte do livro eles se identificam com a história e comentam que a partir dali viajaram através dela.

Qual seu objetivo como escritor?
J.Ruy: Que meus livros levem o maior numero de pessoas a perceberem que a vida é sempre uma escola. Em todos eles existe uma dica de como os leitores podem fazer para estender ao maximo os momentos de felicidade e reduzir ao mínimo os de angustia e tristeza

Tem alguma peculiaridade ao escrever?
J.Ruy: Tenho. Esqueço de parar. Atendo ao telefone, respondo e-mail, converso com as pessoas, sem precisar parar de escrever. Muitas vezes, estas pessoas nem podem imaginar que entraram para a história do livro que estou escrevendo.

Onde se ambientam suas tramas?
J.Ruy: Não há lugares específicos, depende da natureza de cada personagem.

Na sua opinião, quem é o leitor do seus livros?
J.Ruy: Pessoas sem preconceitos, livres de alienação e crenças, porém determinadas a crer que a felicidade existe.

O que o leitor vai encontrar em seus romances?
J.Ruy: Personagens apaixonados por seus ideais, mistérios inexplicáveis (até porque se tivessem explicações deixariam de ser mistério) e uma boa dose do que gosto de chamar de sabedoria de mestres na arte de viver.

Está escrevendo atualmente? O quê?
J.Ruy: Sim. Um novo romance.

Tem planos para outros livros?
J.Ruy: Virou uma compulsão. Ainda tenho muitas e fascinantes histórias para recordar, imaginar e escrever.

Além de escrever, quais são suas atividades? Como é sua vida?
J.Ruy: Trabalho com turismo em todo litoral do norte e nordeste brasileiro. Também presto assessoria a alguns investidores estrangeiros que tem negócios por aqui. Minha vida só não é mais cheia de altos e baixos porque já bato com a cabeça no teto e do chão não passo. Sou feliz porque quando estou indo de baixo para cima tenho uma visão diferente de quando estou vindo de cima para baixo. Assim posso sempre ter uma visão completa do que passa a meu redor, ou melhor, daquilo que eu passo ao redor.

Como foi trocar a vida de comerciante em Minas pela de escritor em Recife?
J.Ruy: Parei para descansar, fui convidado a ficar. Sigo meus anjos da guarda. Posso escolher onde e como viver.

Seus romances falam de fé e otimismo, você segue alguma religião?
J.Ruy: Minha formação é católica, não sou praticante. Religião para mim é ser e fazer pessoas felizes e livres do medo de viver.

Como encara a vida e a espiritualidade?
J.Ruy: A vida eu encaro como se fosse uma ponte que liga o dia do nosso nascimento ao dia da nossa morte. A espiritualidade é aquilo que deixamos que nos conduza nesta breve travessia. Éramos espírito antes de iniciarmos a travessia, continuaremos espírito depois de a concluirmos.


LEIA os romances de J.Ruy : "É Preciso Saber Viver" e "Superando Obstáculos, Há Um Novo Caminho", Editora Novo Conceito .
J Ruy
Enviado por J Ruy em 09/11/2006
Reeditado em 08/08/2007
Código do texto: T286663

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (J.Ruy). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
J Ruy
Aracati - Ceará - Brasil, 60 anos
89 textos (9834 leituras)
15 e-livros (6816 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:25)
J Ruy