Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

vários

               A LIBERDADE
Quando estiveres comigo
Não expresses limites para os meus anseios
Permita-me que eu possa
Mergulhar  em todas as suas entranhas
Porque se for limitado o percurso
Poderei sentir-me inerte e impotente.


          LÁGRIMAS SANGRENTAS
Quando um homem chora,
Mostra  seu sentimento
Com a vida e a realidade.

          A SINCERIDADE
São poucas as coisas que faço,
E são raras aquelas as quais me arrependem


             A INTIMIDADE
Os brilhos que reluzem
As vozes que se calam
Os amores que iludem
A natureza que se revela,
São as reações dos maus tratos.
borgesmilagres
Enviado por borgesmilagres em 13/11/2007
Código do texto: T735218
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
borgesmilagres
Salvador - Bahia - Brasil, 55 anos
318 textos (11327 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 16:35)
borgesmilagres