Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

         

                 
FONOLOGIA

                     
images?q=tbn:ANd9GcQ5yhuDcoGynWFFWetxzaj


                 FONOLOGIA é a parte da gramática que estuda os fonemas de uma língua.
                FONEMAS são unidades sonoras mínimas que estabelecem distinção entre vocábulos de uma língua.

                Os fonemas de uma língua costumam ser representados por uma série de sinais gráficos denominados letras. Nem sempre há, numa palavra, equivalência entre o número de letras e de fonemas.

                Exemplos:

CANETA............................6 letras (c-a-n-e-t-a)
                                         6 fonemas (pronunciamos os sons representados pelas 6 letras)
CHAVE.............................5 letras (c-h-a-v-e)
                                        4 fonemas (pronunciamos apenas 4 sons: chave)
FIXO................................4 letras (f-i-x-o)
                                         5 fonemas (pronunciamos 5 sons: fkso)
REPRESENTAR.................11 letras (r-e-p-r-e-s-e-n-t-a-r)
                                         11 fonemas (pronunciamos 10 sons: representar)
 
Não podemos confundir FONEMA com LETRA: FONEMA é unidade sonora; letra é representação gráfica.

                
                CLASSIFICAÇÃO DOS FONEMAS

 
                               Os FONEMAS classificam-se em:

a-) VOGAIS: são sons que resultam da vibração das cordas vocais, com livre passagem da corrente de ar pela boca. Funcionam sempre como base da sílaba. Lembre-se de que não existe sílaba sem vogal. Em português existem 12 “fonemas vogais”: a,ã, e, ~e,i,~i,o,ó,õ,u,~u.
Exemplos: maçã, pele, quente, xixi, sim, vovó, som urubu, rum
 
Em português, há 12 “fonemas vogais e apenas 5 “letras vogais”.
 
b-)CONSOANTES: são ruídos que resultam de algum obstáculo encontrado pela corrente de ar. Só formam sílaba junto de uma vogal.
Exemplos: luva, rato, jiló, dúvida, apto, cravo
 
c-)SEMIVOGAIS: são os fonemas i e u quando se juntam a uma vogal (v) para com ela formar sílaba. As semivogais (sv) nunca funcionam como base de sílaba.
Exemplos: cá-rie (i é sv) (e é v) coi-sa (o é v) (i´é sv)   tá-bua (u é sv) (a é v) lou-sa (o é v) (u é sv)
 
Em alguns casos, as semivogais podem ser representadas pelas letras e e o:
Exemplos: róseo /e sv (=i) / o v             nódoa /o sv (=u) a v
                   Cães / ã v e sv ( =i)                pão / ã v o sv (=u)

                                            
                                       images?q=tbn:ANd9GcSit6w-O2SJ-69aZDP6AUh


               AVALIAÇÃO
images?q=tbn:ANd9GcTUmT8waJGLXQbQnTrnLVR
                

 
1-) Em qual das palavra há mais letras que fonemas?
sapato, chinelo, táxi, mesa, surpresa, lápis.
 
2-) Em qual das palavras há mais fonemas que letras?
tampa, blusa, rua, caderno, carro, fixo
 
3-) Selecione as palavras que apresentam semivogal:
piso, duro, melancia, cárie, chapéu, avestruz, aprendiz

4-) Separe as letras vogais das semivogais das palavras:
 
cães, cárie, pão, lousa, nódoa, coisa
 
5-) Coloque (entre parênteses) as letras e os fonemas das palavras:
canivete, chave, fixo, apresentar, ouvido

                                     
images?q=tbn:ANd9GcSsgLSve-vgFJ8DROBB91f
 

Prof.Roangas-Rodolfo Antonio de Gaspari
(Apoio: Minigramática -Ernani Terra
-)
Imagens:Google

 
 
 

roangas
Enviado por roangas em 18/10/2010
Reeditado em 09/08/2011
Código do texto: T2564566
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
roangas
Porto Ferreira - São Paulo - Brasil, 66 anos
228 textos (43094 leituras)
27 áudios (5009 audições)
8 e-livros (794 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/14 03:56)
roangas

Site do Escritor



Rádio Poética