CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

O Uso dos "porquês".

Na nossa língua existem quatro formas de uso dos “porquês” e para muitos vira uma grande confusão, já que na pronuncia é parecido, mas na escrita, é de fato muito complicado mesmo..., mas é uma questão de prestar atenção e praticar.
PORQUÊ - substantivo, e por isso só pode ser usado quando precedido de artigo definido (o, a, os, as), pronome adjetivo (meu, este, esse, aquele) ou numeral (um, dois, três).
Ex: - Não sei "o porquê" (o motivo, a causa...) de tanta confusão com os porquês.
POR QUÊ - Sempre que aparecer no final de uma frase. Uma outra maneira de entender é lembrar que antes de pontuação, o quê recebe o acento.
Ex: Por quê? Ex: Você nem sabe por quê. Ex: Você está rindo de quê?

POR QUE - Usamos a forma (por que) sempre que houver junção da preposição por com o pronome interrogativo que. Em outras palavras, pode-se dizer que por que é usando quando podemos trocá-lo por: (por qual razão, por qual motivo, pelo qual, pelos quais, por qual).
Ex: Por que você quer saber? Ex: Por que você quer ir lá?
Ex: Você nem sabe por que ela fez isso.

PORQUE
Usamos porque quando a expressão for uma explicação ou causa (pois, uma vez que).
Ex: Não vim trabalhar porque ( POIS) estava doente.
Ex: Por que você estuda?  Porque gosto de aprender.
Ex: Porque a vida não é fácil para ninguém.
--------------------------------------------------------------------------
Bons estudos... !!!
Lucas Santos
Enviado por Lucas Santos em 15/11/2012
Reeditado em 15/11/2012
Código do texto: T3987852
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Lucas Santos
Dracena - São Paulo - Brasil
268 textos (15551 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/09/14 18:36)