Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma aedo

Uma aedo antagônica no crinamo de estertores;
Os corvos calaram-se e riram em silêncio;
Perante a ribalta paralela em catride;
Surreava no Supor da Alavanca Universal.
                  (PANDORA SPLEEN)

PANDORA AEDO
Enviado por PANDORA AEDO em 02/05/2006
Código do texto: T149123
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
PANDORA AEDO
Tangará da Serra - Mato Grosso - Brasil, 33 anos
30 textos (2536 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 08:03)
PANDORA AEDO