Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Minha querida Solidão...

Você que esteve presente durante toda a minha sofrida e fétida vida...
Você  que por muitas vezes  me fez chorar, pois agora as minhas lágrimas se  tornaram sangue...
Você que simplesmente chegou sem dizer nada, se calou diante de mim e tornou o silêncio o mais lindo poema de amor...
Você que consegue amenizar a dor da ferida, com um único olhar...
Você que tem o poder de levantar a mais ridícula das hipóteses...
Você que ao mesmo tempo que destrói, constrói a melhor e pior peste do mundo...
Você que faz com um sorriso a mais pura revolução dos sentidos...
À você que mantém as chamas do medo acesa...
Você que de qualquer forma faz o coração parar ao ouvir o mais simples assobio...
Você, luz das minhas Trevas...
Você que faz mil demônios despertarem com uma única música...
Você que simplesmente tomastes a minha vontade de viver...
Você que ao mesmo tempo é sim e não...
Você que toma todas as minhas dores...
Você que deteriorou os meus dias de sofridão... todos...
Você que sempre  se mostrou forte para que eu conseguisse assim como você...
À você que prendeu a luz... por mim...
Você que me ensinou a voar com minhas próprias asas...
Você que me fez seguir mesmo ouvindo que não...
Você que de uma forma ou de outra me faz bem...
Você que arrancou o medo, atirou-o longer e me fez sorrir...
Você que desafinou durante uma simples nota e fez a mais linda melodia...
Você que não se fez de rogado e simplesmente dançou...
Você  que fez renascer o obsoleto amor e me fez cantar...
Você que tomou a escuridão e a fez amena...
Você que finalmente me fez viver... morrer... crescer...
À você que dissipou a vontade de cair ao fundo e fez nascer o perfeito coração...
À você, minha querida Solidão...
Tatiana Marques (Tath)
Enviado por Tatiana Marques (Tath) em 18/06/2006
Código do texto: T177879
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tatiana Marques (Tath)
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil, 28 anos
554 textos (19859 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:44)
Tatiana Marques (Tath)