Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



E
ra uma vez um castelo encantado habitado por palavras que adoram serem tocadas por seus amantes. Gostam de compor suas poesias, prosas, contos, trovas e todos os estilos de escrita que encantam a alma.

Neste reino, onde a fantasia é confundida com real e o cotidiano parece um sonho, passeam rainhas e reis amantes da arte de ler e escrever. Eles adoram brincar ousadamente com as palavras. Com elas conseguem fazer mágicas maravilhosas.

Umas saem doce como mel. Vez por outra uma escorre com gostinho de sal, mas logo vem outra bem suave para enxugar as palavras tristes e transformá-las em sorrisos luminosos.

Um dos divertimentos prediletos das palavras é passear nos barcos da imaginação, mergulhar nos devaneios poéticos destes reis e rainhas. Gostam de ser úteis e tentam captar os mundos por eles imaginados, nem sempre conseguem...

Neste mundo encantado a alegria reina absoluta, sempre acompanhada da emoção, gentileza e amizade, suas assistentes imediatas. Nos jardins do castelo as letras brincam de pular corda na linha do horizonte e desenham telas com as cores do arco-íris.

As flores brotam em forma de haikais e perfumam todo vale encantado. Neste cenário as sementes de criatividade são regadas pela inspiração, fazendo florescer um campo textual brilhante e cheio de energia.

Há, neste castelo, uma inesgotável fonte de surpresas por onde jorra, diariamente, o puro e cristalino néctar da poesia, acolhido nos corações dos que vivem e visitam este mundo mágico das letras.

Nos jardins do castelo é comum encontrar palavras sendo lapidadas, reis e rainhas bordando telas poéticas, tecendo frases com fios de lirismo, pintando o papel com sentimentos que saem da alma, fotografando emoções com as lentes de seus corações e colocando nos murais de suas memórias...  

Hoje as letras estão eufóricas. Juntas fazem o maior rebuliço, todas querem participar da saudação a uma das Rainhas. Combinarem entre si que só formariam palavras doces, suaves e que expressassem bons sentimentos.

O
A correu na frente, pois está presente no amor, na amizade, na alegria, o F pediu licença e disse que seria o primeiro, afinal, sem ele não tem felicidade, o M escutou tudo em silêncio e esperou que todos argumentassem. Pediu licença e falou: eu serei o primeiro. Como vocês irão se apresentar sem dizer o nome da homenageada?

Todos concordaram. Precisavam dele, afinal a grande Rainha
Meriam é que será homenageada. Feito o acordo as palavras saíram em festa para comemorar o aniversário da escritora, amiga, mulher e companheira do Encanto das Letras que hoje faz aniversário.

FELI
ZIDADE NOVA querida. Que você continue nos brindando com sua alegria, seu lirismo, seu talento e amizade. Que Deus abençoe sua vida. SEMPRE! E que este reino de poesia continue abrigando nossas criações, sonhos, devaneios e desejo de continuar aprendendo.

E todos seremos felizes para sempre...




              
 Para voê, com carinho!!!!     



Este texto faz parte do Exercício Criativo - Conte-me um Conto.
Saiba mais, conheça os outros textos:
http://encantodasletras.50webs.com/conteumconto.htm
Ângela M Rodrigues O P Gurgel
Enviado por Ângela M Rodrigues O P Gurgel em 08/01/2010
Reeditado em 08/01/2010
Código do texto: T2017833
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ângela M Rodrigues O P Gurgel
Mossoró - Rio Grande do Norte - Brasil, 54 anos
1557 textos (402042 leituras)
5 e-livros (500 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/11/17 17:40)
Ângela M Rodrigues O P Gurgel