Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A MORTE DO CRAQUE

Sobre o verde dos gramados
do mundo inteiro...
você maravilhou o olhar dos torcedores
que lotavam os estádios
em todos os cantos da terra...
Imortalizando as PERNAS TORTAS,
os dribles mágicos e os passes milimétricos
e maravilhosos...
Passes dos quais você nem imaginava o valor
pois sua humildade de homem do interior...
superou até mesmo a grandeza e magia
do seu futebol, dos seus passes e gols...
Gols que levaram as torcidas ao delírio
os goleiros e zagueiros ao martírio...
Você levou o Botafogo a ser sensação
no Rio de Janeiro...
Você levou o Brasil ao Bicampeonato Mundial!
Você com ele, acabou se tornando imortal...
fazendo parte da pagina mais linda
deste esporte nacional...
Por isso hoje, não há brasileiro
que entre num estádio, mesmo vazio
e não se lembre do "seu" Manoel Francisco dos Santos
Mané Garrincha...
Você deixou seu nome
no lugar de honra e saudade de nossa nação
na Galeria dos Craques
Fazendo com a bola o que sempre quiz
o que sempre imaginou na mente e coração...

      Adeus Mané Garrincha.

       MANOEL VITÓRIO


  ESTE POEMA ESCREVI POUCAS HORAS APÓS RECEBER A NOTICIA
  DA MORTE DE MANÉ GARRINCHA... PARA MIM O MAIOR CRAQUE
  DE FUTEBOL DA HISTÓRIA.
Manoel Vitorio
Enviado por Manoel Vitorio em 21/10/2006
Reeditado em 15/04/2007
Código do texto: T269803
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Manoel Vitorio
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 60 anos
4786 textos (175164 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:08)
Manoel Vitorio