Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Velho Senhor me disse...



UM VELHO SENHOR ME DISSE...

Certa vez, um senhor conhecido pela sua sabedoria e idoneidade, ao me ver lamentar a respeito da falta de perspectiva reinante, comentou que era amigo do homem mais importante do mundo. Eu perguntei se era um grande líder, ele me disse que sim, mas que era mais do que apenas um grande líder. Intrigado, eu perguntei se era um artista importante, ele afirmou que era um artista sim, de grande qualidade e talento, mas não era apenas um artista. Já meio desconfiado perguntei se era homem de grande fortuna, influência e poder, talvez até governante, um político de renome.
O senhor, com um sorriso de satisfação nos lábios, respondeu com um ar de quem trás à mente uma boa lembrança: É sim um homem de valiosa fortuna intelectual, que exerceu influência na vida de milhares de pessoas, algumas como eu, que decidiram suas vidas, seu futuro, sob a influência dele. E é alguém que também exerceu grande poder, pois ajudou a construir crenças, valores, modos de se relacionar e viver que perduram por toda uma vida e são transmitidos através das gerações. Olhando por esse aspecto, exerceu, não um poder político nos moldes que conhecemos, mas ajudou a formar alguns que vieram a exercer um poder legalmente instituído e outras funções sociais de grande importância...
Frisei no meu comentário, um sorriso um tanto quanto sarcástico, pois sentia que aquele velho senhor estava me deixando sem opções para descobrir a identidade desse homem tão importante. Então falei de chofre: Vai ver que é de Deus que o senhor está falando!
O velho senhor me olhou com calma e afirmou que se tratava de um professor, aparentemente comum como outra pessoa qualquer, mas que dedicou a sua vida a ensinar para além de fórmulas matemáticas ou regras da língua culta: ensinou que somos todos capazes de aprender, não se importando com as vezes que necessitamos errar até aprender.Disse-me que sempre haveria esperanças para os homens, enquanto existissem pessoas assim. Pensei então que ele estava certo.E em como havia muita semelhança com relação a como somos tratados por Deus. ELE concede a todos o tempo de aprender e nos espera, na certeza de que, um dia, chegaremos lá!
Deus criou o homem e o professor contribui com a sua obra, aperfeiçoando-a, tal qual faz o ourives com as pedras preciosas, para revelar-lhes maior brilho e beleza.

Para você que também constrói subjetividades, que transmite valores e conhecimentos, forjando Homens de Bem, no exercício de sua profissão, nós dizemos:
MUITO OBRIGADO PROFESSOR!






Joselma de Vasconcelos Mendes
Enviado por Joselma de Vasconcelos Mendes em 28/11/2006
Código do texto: T303624
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Joselma de Vasconcelos Mendes
Serra - Espírito Santo - Brasil, 57 anos
404 textos (21629 leituras)
7 áudios (779 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 03:09)
Joselma de Vasconcelos Mendes