Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sigmund Freud. O pensador que iluminou a humanidade.


O conhecido universalmente médico psiquiatra e neurologista Sigmund Freud, nascido em 06 de maio de 1856, na cidade de Freiberg, na Áustria, legou ao mundo conceitos e visões que ainda ajudam a fermentar debates, muitos deles polêmicos em diversos campos do comportamento e do saber.
Sob a presidência de Freud, fundava-se, em 1902, a Sociedade Psicanalítica de Viena. Entre os componentes dessa entidade científica, destacavam-se Alfred Adler; Wilhelm Stekel; Otto Rank e Isidore Sadger.
As idéias de Freud avançadas para a época, trouxeram, entretanto, muita luz ao problema das enfermidades nervosas. Pela primeira vez, deu forma e colocou nos limites da ciência, a complicada questão dos “complexos”. Sua contribuição na esfera da psiquiatria foi das maiores, dando ensejo para que esta viesse alcançar o grau de desenvolvimento atingido atualmente. Dentre as suas obras, sobressaem; Totem Und Tabou; Kindeheintserinnerung des Leonard da Vinci; Wahn und Traume in Gensens Gradiva; Uber Psychoanalyse; Des Unbehagen in der Kultur; Die Traumdentung, etc. Eleito respectivamente em 1927 e 1935 membro da Sociedade de Psicanálise de Nova York e da Sociedade Médica Real de Londres, Freud era também cidadão honorário de Viena. Entregou a seus seguidores os fundamentos de uma teoria psicológica. Foi um dos espíritos mais brilhantes entre os cientistas de maior renome. Faleceu a 23 de setembro de 1939 na cidade de Hamstead, Inglaterra, ficando conhecido mundialmente como o pai da psicanálise.
Esta simples homenagem que acabo de prestar a Sigmund Freud se justifica, não apenas por ter sido ele uma das mais relevantes figuras da psicologia universal, como também em virtude de ser hoje, 27 de agosto, “O Dia do Psicólogo”. Aproveito a oportunidade para felicitar a psicóloga Valéria Guimarães Lobato Góes, minha queridíssima filha, e a todos os dignos representantes dessa importante classe profissional em nosso país.
Demarcy de Freitas Lobato (Em memória)
Enviado por Demarcy de Freitas Lobato (Em memória) em 27/08/2007
Código do texto: T625897
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Demarcy de Freitas Lobato (Em memória)
Miguel Pereira - Rio de Janeiro - Brasil, 76 anos
374 textos (108959 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 19:55)
Demarcy de Freitas Lobato (Em memória)