Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

No pensamento do poeta


Aqui jaz o poeta que partiu
Talvez cedo e para outras paragens
Pobre poeta que não viu
As suas obras a serem admiradas
No meio do tempo ele, se busca
Pelo que não pode acabar na terra
Desce com alma de criança
Tornando ela poeta
Na nostalgia do momento
Essa criança, isola do mundo
Não sabe que faz aqui
Tudo parece tão absurdo
Com a alma ferida da incompreensão
Ela busca aconchego na escrita
Para alguns ela, tem talento
Outros não passa de pobre retardada
Mas ela enfeita os cadernos com poesias
Belas e tão escondidas dos demais
Cresce meio solitária, sozinha
Buscando nas linhas da vida
Todas a belas palavras que escuta
Do pobre coração por si já sofrido
Para confortar a alma que sente a poesia

 

Betimartins
Enviado por Betimartins em 27/09/2007
Código do texto: T670359

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Betimartins
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
1675 textos (97732 leituras)
9 áudios (899 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 05:00)
Betimartins