Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto




Uma certa mãe portuguesa
pesarosa pela ausência
de seu filho cuja infância
lhe passou despercebida,
descobriu a meio da vida
que o menino vivia
num distante paraíso
aonde tudo se dava
tanta fruta... e tão estranha!
Alguma, já ela vira
exposta na frutaria:
Remirou-a, aspirou-a
Cheirava a sol e a sonho!
Uma bola enorme dizia
no escrito que trazia:
coco fresco! Abanou-a
choc choc choc escutou
Leite de coco... Lembrou!
Vira na televisão
abrir o coco a facão
olhou o preço e tremeu!
Facão nas mãos do caboclo
ai Jesus... estremeceu!
Por aqui, só a machado
e pôs o coco de lado

...Já só antevia o caboclo,
parecia uma visão!
Leite de coco... óleo de coco
sabão!


Agradecimento de uma mãe portuguesa, ao meu querido amigo Dionísio Teles, que prometeu trazer-lhe o preciso fruto!

Lisboa, 28/3/2006
Maria Petronilho
Enviado por Maria Petronilho em 28/03/2006
Reeditado em 11/09/2006
Código do texto: T129879
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Maria Petronilho (registo www.igac- ref 2276/DRCAC - Ministério da Cultura, Portugal)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Maria Petronilho
Almada - Setúbal - Portugal, 64 anos
1238 textos (130529 leituras)
60 áudios (14347 audições)
9 e-livros (5156 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 06:59)
Maria Petronilho

Site do Escritor