Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desvairados Inutensílios

Desvairados Inutensílios

um homem arrasado carrega um enorme cofre às costas. a sua própria natureza

*

quem inventou a memória, azedou a polenta da vida

*

uma vez achei uma bolinha de gude no miolo de uma jabuticaba vesga

*

miolo de fechadura queria ser lápis de São José Carpinteiro

*

o universo todo é só parte de um neurônio de Deus

*

mães são flautas do sol

*

uma vez vi um pássaro que não existe

*

espiritualmente o ser humano é um tiranossauro terrestre

*

escrevo porque não sei me matar

*

figos maduros têm zíperes de açúcar cristal

*

uma vez fui a um baile de fantasmas: eles ficaram com medo porque eu era o único

*

durante um mês inteiro, fiz regime para emagrecer: perdi 30 dias

*

colabore com as autoridades: cometa um crime perfeito

*

a urina é o vinagre do corpo

*

acompanhe a maioria. ande sozinho

*

se não chover hoje de manhã, chove hoje a tarde. se não chover hoje a tarde, choverá ainda hoje de manhã

*

uma vez vi um burro na sombra: era o espelho de minha infância cortada pela metade

*

sempre quis morrer jovem. quero ver se faço isso com uns cem anos

*

tempestade em copo de água: alka-seltzer

*

mais sumido do que fimose de eunuco

*

batatinha quando nasce, vira fritas no McDonalds

*

Silas Corrêa Leite, da Estância Boêmia de Itararé SP, Crítico Social, Educador e Poeta, autor do e-book O RINOCERONTE DE CLARICE (único no gênero, com 11 contos fantásticos com três finais cada conto) no site www.hotbook.com.br/int01scl.htm (foi destaque no Metrópolis/TV Cultura, Caderno 2 do Estadão, etc.  e recomendado como leitura obrigatória na matéria Linguagem Virtual, no Mestrado de Ciência da Linguagem, da Universidade do Sul de Santa Catarina. Pós-graduado em Literatura, Direitos Humanos e Jornalismo Comunitário. Ganhador, entre outros, do Concurso Paulo Leminski de Contos e do Primeiro Prêmio Ligia Fagundes Telles de 2004 (Fundação Mário Covas). Site pessoal: www.itarare.com.br/silas.htm. E-mail para contatos: poesilas@terra.com.br

 
Poetinha Silas de Itararé
Enviado por Poetinha Silas de Itararé em 30/10/2007
Código do texto: T716906

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Silas Correa Leite). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poetinha Silas de Itararé
Itararé - São Paulo - Brasil, 65 anos
141 textos (50046 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 23:37)
Poetinha Silas de Itararé