Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

nalgum lugar

     nalgum lugar
                           
       ". . . nada que eu possa perceber neste universo iguala o poder de tua intensa fragilidade: cuja textura
 compele-me com a cor de seus continentes, restituindo a morte e o sempre cada vez que respira . . ."
 
       Trecho de Poema de   e. e. cummings
       tradução: Augusto de  Campos
      Musicado por Zeca Baleiro
AMoreira
Enviado por AMoreira em 06/07/2006
Código do texto: T188344

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (AMoreira http://www.recantodasletras.com.br/autores/amoreira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
AMoreira
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil, 39 anos
22 textos (858 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 12:15)
AMoreira