Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Oh Ângela
Tom Jobim


Ângela
Porque tão triste assim
Agora
E tudo quanto existe chora
Teu rosto na janela
Daquele avião
Lá embaixo a terra é um mapa
Que agora uma nuvem tapa
Não tentes evitar a dor

Misteriosamente
Está tão diferente Ângela
A face singular de Ângela
Enquanto nos surpreende o amor
Oh Ângela

Súbito
Eu vejo em minha frente Ângela
Misteriosamente Ângela
Enquanto nos surpreende o amor
Oh Ângela 


http://tom-jobim.letras.terra.com.br/letras/86147/

Imagina uma música para mim, deste tremenda compositor!
Uf... Tom nem sabe que eu existo!


Colocar a autoria em cada trabalho, que não seja próprio, é uma obrigação de cada escritor.
Tom Jobim
Enviado por Angela Lara em 21/07/2006
Reeditado em 03/09/2011
Código do texto: T198804
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angela Lara
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 56 anos
1846 textos (248681 leituras)
53 e-livros (15742 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/05/17 04:39)
Angela Lara