Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ALMA PERDIDA

meus olhos seguem uma estrela
minha respiraçao ofegante,
meu coraçao apertado ja bate mais fraco
tire-me daqui antes que eu entre em coma profundo
já vejo a estrada das almas perdidas

já faço parte de um brilho do céu
nao quero ver minha vida terminada aqui
ainda nao vi as coisas que tinha em mente
minha mente alucinada e minha alma sendo carregada
tento disfarçar meus delírios
tento m livrar dessas correntes
onde estou?

faço parte de uma loucura,
estou parecento um viciado sem droga
nao consigo ver as coisas
sigo a voz estranha que tanto m chama
sinto que estou sendo sugado de meu corpo
vejo as pessoas agonizando nas ruas

ando na estrada das almas perdidas
sem saber onde vou parar
sigo em rumo ou esperança de chegar
ninguém responde minha perguntas.

sem força tento m livrar das correntes
ja nao sei onde esta minha ajuda
nao vejo saída
quero sair daqui!
quero sair,quero sair,quero sair
gelão
Enviado por gelão em 16/08/2006
Reeditado em 16/08/2006
Código do texto: T218037
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
gelão
São Paulo - São Paulo - Brasil
9 textos (275 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:26)
gelão