Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NÃO DEMORE


ATÉ MESMO AS PEQUENAS COISAS QUE FIZEMOS
JÁ TENTEI MAS NÃO CONSIGO ESQUECER
E QUANDO ALGUÉM ME PERGUNTA:
“ O QUE ESTÁ ACONTECENDO?”
É A SUA AUSÊNCIA QUE É IMPOSSÍVEL ESCONDER

REFRÃO:

POR ISSO NÃO DEMORE
NÃO ESPERE TERMINAR ESSA CANÇÃO
VEM PRA PERTO DO MEU PEITO
E DESCULPE ESSE MEU JEITO
SEU EU CHORAR É DE EMOÇÃO
POR ISSO NÃO DEMORE
NÃO DEIXE OS NOSSOS SONHOS PARA TRÁS
VEM PRA PERTO DO MEU PEITO
E DESCULPE ESSE MEU JEITO
EU SÓ ESTOU QUERENDO PAZ


E EU NÃO TINHA NOÇÃO QUE O MEU CORAÇÃO
PUDESSE SUPORTAR TANTA DOR
E ESSE IMENSO VAZIO ACOMPANHADO PELO FRIO
É BEM MENOR QUE A SAUDADE DESSE AMOR.

Cláudio Oiticica
Enviado por Cláudio Oiticica em 21/11/2006
Código do texto: T297471
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cláudio Oiticica
Salvador - Bahia - Brasil, 46 anos
17 textos (434 leituras)
5 áudios (951 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:51)
Cláudio Oiticica