Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Chuva de Verão


Sua boca é venenosa
Ela é tão perigosa
Seu olhar se faz distante
Seja seu próprio vigilante

Sobre ela me perdi
Estou à beira da destruição
De São Bento a São Paulo
Ela não me dá atenção.


Ela é chuva...
Chuva de verão.
Uma nuvem passageira
Voz suave do trovão.


Símbolo de força
Nota da canção
Mãe de todas as sombras
Leve escuridão

No alvorecer da vida
Ela traz libertação
Meu coração ela agarra
Como uma granada de mão


Ela é chuva...
Chuva de verão.
Uma nuvem passageira
Voz suave do trovão.
Diego Alves da Silva e Fernando José Cantele
Enviado por Diego Alves da Silva e Fernando José Cantele em 27/09/2007
Código do texto: T670666

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Diego Alves da Silva e Fernando José Cantele
Quitandinha - Paraná - Brasil, 33 anos
166 textos (6117 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 18:28)
Diego Alves da Silva e Fernando José Cantele