Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando a fadiga alcançou

Meu pai já estou velho e nem
Sei se vou te encontrar
Ainda em minhas orações
Peço a Deus para que este dia
Chegue antes dos meus

Papai,papai,papai (bis)
Por que a demora
Por esta melodia
Ouvir...

Rogo a nossa senhora por
Minha mãezinha que junto
Ao caçulinha já foi ter

Foi longa e exaustiva
A minha caminhada
Hoje com sessenta anos
Com família já feita e os
Netos ao redor a brincar
Ainda choro
Uma lágrima de saudade
Na incerteza por um dia você voltar

Papai,papai,papai (bis)
Por que a demora
Por esta melodia
Ouvir...

Aos quatro cantos donde o
Vento sopra e a sombra do tempo
Morre a minha busca agora
Papai,papai,papai querido
Perdoa-me mas minhas pernas
Já cansadas não suportam
Mais...

Fica eternamente nesta canção
O  desejo de lhe dar
Um abraço
E de receber-lhe um carinho
Um forte e ultimo
Um beijo seu...

                                                       Mirão da Estrada
Mirão da Estrada
Enviado por Mirão da Estrada em 28/09/2007
Código do texto: T671761
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mirão da Estrada
Blumenau - Santa Catarina - Brasil, 50 anos
498 textos (14818 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 02:57)
Mirão da Estrada