Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ouropretar

OUROPRETAR
   
Voce já ouropretou?
Não, não, não...
Voce tem que ouropretar
Ouropretar...
E sair pela cidade
Que essa tal felicidade
Com certeza mora  lá

Ouça a flauta do Bené
Cante um samba com o Vandico
Bate um papo com o Kelé
Lá no adro do São Chico
Vá ao largo da alegria
Candongueiros  estão lá
Espalhando a poesia
Fazendo o samba rolar
Ensinando a quem não sabe
O verbo ouropretar

Eu ouropreto... meu bem
Tu ouropretas...  também
Ele ouropreta
Nos ouropretamos
Vos ouropretais
Eles ouropretam...
Pedindo paz


Você já ouropretou?
Eu já aprendi
Então passe a ensinar
A  conjugar
Esse verbo que é divino
Na cidade dos mil sinos
Que vivem sempre a dobrar

Cante os hinos do Pilar,
No Rosário, uma oração,
Antes  passe em algum bar
Tome uma com limão...
Nunca tente resistir
Às  belezas da  cidade
Se beber do elixir
Vai ficar até mais tarde
De repente vai sentir
E ouropretar de saudade

Eu ouropreto... meu bem
Tu ouropretas...  também
Ele ouropreta
Nós ouropretamos
Vós ouropretais ...
Eles ouropretam ...
Pedindo paz
Poeta de Gravata
Enviado por Poeta de Gravata em 13/11/2007
Código do texto: T736251
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeta de Gravata
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 69 anos
25 textos (1307 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 00:38)
Poeta de Gravata