Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CRÉDITO IMAGEM:www.tre-se.gov.br/.../ sams/exame_mama/Slide2.jpg 


Muito Tempo Depois  Terça-feira, Março 22, 2005


Apesar de toda energia concentrada em minhas veias, apesar de toda alegria armazenada em meu coração, apesar de toda minha vontade de escrever todos os dias, a ansiedade, por não poder fazer nada durante este período de tratamento, engole as minhas horas e me traz uma sensação de inutilidade dos meus dias.
Mesmo assim, não me permito ficar triste ou com medo. Respiro fundo e deixo fluir os pensamentos de reconstrução de uma nova fase de minha vida.
Não é fácil, mas é preciso.
É preciso manter acesa a chama da vida através da esperança, através da serenidade. É preciso alimentar a fé em Deus, a cada segundo, para seguir em frente. É preciso olhar com coragem para o mundo que me espera. É preciso estar inteira para que as rachaduras não me causem vergonha, não me encham de culpas e não destruam a certeza de que sempre vale a pena viver.
Nada ou ninguém pode ajudar, a não ser eu mesma.
Para isso, permito-me jogar fora tudo que entristece minha alma e sobrevivo das boas palavras, das boas amizades, principalmente, do amor e aconchego de minha família.
E é assim que deve ser. E é assim que tem que ser


Rosa Berg
Enviado por Rosa Berg em 29/04/2006
Reeditado em 29/04/2006
Código do texto: T147527

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rosa Berg
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil
509 textos (71930 leituras)
30 áudios (5857 audições)
2 e-livros (2212 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 11:52)
Rosa Berg