CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

MÃES GUERREIRAS

Não quero parabenizar as mães que receberão o abraço de seus filhos
Não quero festejar com as mães que terão lautos almoços entre família ou aquele jantar especial

Quero parabenizar as mães que tiveram seus filhos arrancados de seus braços e neste dia abraçarão as recordações e lembranças, envolvidas por nuvens de lágrimas.
Quero parabenizar as mães que estarão neste dia passando por constrangimento, nas filas dos presídios, onde seus pequeninos filhos (para mãe os filhos nunca crescem) estão separados da sociedade por crimes cometidos alheios a sua vontade.

A você, mãe que não desiste, mãe que não se abate, mãe que não descansa...
A você, mãe de braços vazios...

É a você que dou os parabéns no dia de hoje.
Claudia Nunes da Silva
Enviado por Claudia Nunes da Silva em 09/05/2009
Código do texto: T1584916

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Claudia Nunes Ribeiro - www.recantodasletras.com.br/autores/claudianunes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre a autora
Claudia Nunes da Silva
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 46 anos
391 textos (129249 leituras)
9 áudios (5293 audições)
6 e-livros (3789 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 31/07/14 14:34)