Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

" Da Faxina à Poesia "



Representamos vários personagens por dia
 e hoje realmente desempenhei um: a casa
 estava precisando de faxina, àquela só
nos mulheres sabemos fazer; higienizando
e dando suavidade ao ambiente. Depois do
imenso cansaço e com o elogio dele, o meu amor,
veio a inspiração para escrever sobre o tema.
Claro que não é uma Poesia, mas nos remete
a uma reflexão dos papeis que assumimos no dia
adia que, enfim, torna a faxina uma Poesia.
O ambiente limpo faz fluir pensamentos e ideais
com leveza e encanto. E assim, imprescindível
fazermos constante faxina mental, higienizar o
íntimo é o asséptico que nos torna melhor
integrado à vida..
Há quanto tempo você não faz sua faxina mental?
 Já fez alguma vez?
Fátima Antunes
Enviado por Fátima Antunes em 09/10/2006
Reeditado em 09/10/2006
Código do texto: T260014
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fátima Antunes
Araruama - Rio de Janeiro - Brasil, 61 anos
49 textos (2833 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:25)
Fátima Antunes