Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Seleção e Nossa Vida

Podemos comparar a atuação da seleção brasileira na copa de 2006 com a nossa vida. O time jogou uma bolinha minúscula, mas segundo o seu técnico: “O importante era ganhar”. Na nossa existência, vamos nos contentando com o “suficiente”, para que possamos ir “levando a vida”. Como o esquadrão canarinho, não exploramos devidamente todas as nossas possibilidades e tardamos a nos libertar do lugar comum de nossos conceitos e pré-conceitos, não mudamos, não ousamos e no receituário trivial de ir vencendo nossos problemas sem maiores esmeros, até que um dia nos deparamos com a nossa “França”. O Brasil mal escalado foi o resultado da eleição de prioridades erradas, por sei lá o que, foram privilegiados jogadores que estavam atuando medianamente (ou abaixo disso), em detrimento de outros que jogam um bolão. Assim também escalamos mal nossas prioridades, estacionando com um pé no passado e outro no indefinido, sem vislumbrar a possível ação de um passo à frente. Perder ou ganhar, são resultados possíveis, mais como ganhamos ou perdemos é que faz a diferença: brigando como a Argentina, vencida nos pênaltis pela Alemanha, ou ajeitando a meia enquanto o gol francês mandava a empáfia verde e amarela “zidanar”. Jamais devemos nos considerar o máximo ou os melhores por nos destacarmos em alguma atividade, pois se chegamos ao máximo e ao melhor, não temos mais para onde crescer, evoluir... e assim estagnamos, atolados na arrogância egocêntrica que não nos permite enxergar os outros. Procure vencer bem suas dificuldades, não vencer displicentemente, tenha o máximo e o melhor como objetivos que se renovam a todo momento, seja humilde e interessado naquilo que faz... Com toda certeza: “O acaso não vai te proteger enquanto você andar distraído”.

Antonio Pereira (Apon)
http://www.aponarte.com.br
Antonio Pereira APON
Enviado por Antonio Pereira APON em 25/10/2006
Reeditado em 14/07/2010
Código do texto: T273216

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (http://www.aponarte.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antonio Pereira APON
Salvador - Bahia - Brasil, 52 anos
158 textos (33975 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:03)
Antonio Pereira APON