Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Se esta mão escrevesse como escrevia

Se esta mão com que escrevo
Escrevesse como escrevia
Certamente eu ousaria
Visitar-vos
Com a fórmula mágica
Com que alindava os meus versos.


Agradeço a todos quantos lêem os meus poemas e me incentivam para continuar. Agradeço a todos, incluindo amigos pessoais, a forma carinhosa como me recebem em vossas casas.
Digo-vos que não tenho por hábito desistir. Estes últimos meses têm sido muito difíceis para mim. Quase desisti…
Não me vou para aqui lamentar pois há quem muito mais sofra e não chore. Sem lamechas dir-vos-ei que stress mina e domina a minha doença e o resultado está à vista: não durmo, os medicamentos já não produzem qualquer efeito e por via disso, falha a voz, o cérebro deixa de comandar o braço e a perna esquerda.
Agora tremo e temo – dizem que a Parkinson é assim.
O pior sofrimento é a solidão. - Sempre que possa e enquanto Deus me der forças continuarei.
Deixo-vos com os poemas que habitam no meu coração
Saudades
Rogério Simões
Romasi
Enviado por Romasi em 30/11/2006
Código do texto: T305959

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Romasi
Portugal, 67 anos
29 textos (3791 leituras)
9 áudios (510 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 16:14)
Romasi