Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O segredo do Relacionamento

O homem tem a facilidade de se adaptar em qualquer situação.
Mas quando se trata de relacionamento com aquela que será sua parceira, companheira, namorada ou esposa, se sente como proprietário que acaba de adquirir um bem material.
Essa é a principal razão da discórdia na maioria dos relacionamentos entre o homem e a mulher.
Conta uma lenda dos índios sioux que, certa vez, Touro Bravo e Nuvem Azul chegaram de mãos dadas à tenda do velho feiticeiro da tribo e pediram:
Nós nos amamos e vamos nos casar. Mas nos amamos tanto que queremos um conselho que nos garanta ficar juntos pra sempre, que nos assegure estar um ao lado do outro até que a morte nos separe.
Há algo que possamos fazer?
O velho emocionado ao vê-los tão jovens, tão apaixonados e tão ansiosos por uma palavra, disse o seguinte:
Há o que possa ser feito, ainda que sejam tarefas muito difíceis.
Tu, Nuvem Azul, deves escalar o monte ao norte da aldeia apenas com uma rede, caçar o falcão mais vigoroso e trazê-lo aqui, com vida, até o terceiro dia depois da lua cheia.
E tu, Touro Bravo, deves escalar a montanha do trono e lá em cima, encontrarás a mais brava de todas as águias.
Somente com uma rede deverás apanhá-la, trazendo-a para mim viva!
Os jovens se abraçaram com ternura e logo partiram para cumprir a missão.
No dia estabelecido, na frente da tenda do feiticeiro, os dois esperavam com as aves.
O velho tirou-as dos sacos e constatou que eram verdadeiramente formosos exemplares dos animais que ele tinha pedido.
E agora, o que faremos? Os jovens perguntaram.
- Peguem as aves e amarrem uma à outra pelos pés com essas fitas de couro. Quando estiverem amarradas, soltem-nas para que voem livres.
Eles fizeram o que lhes foi ordenado e soltaram os pássaros.
A águia e o falcão tentaram voar, mas conseguiram apenas saltar pelo terreno. Minutos depois, irritadas pela impossibilidade do vôo, as aves arremessaram-se uma contra a outra, bicando-se até se machucar.
Então o velho feiticeiro disse:
Jamais esqueçam do que estão vendo, esse é o meu conselho. Vocês são como a águia e o falcão. Se estiverem amarrados um ao outro, ainda que por amor, não só viverão arrastando-se, como também, cedo ou tarde, começarão a machucar um ao outro.
Se quiserem que o amor entre vocês perdure, voem juntos, mas jamais amarrados. Libere a pessoa que você ama para que ela possa voar com as próprias asas.
Embora esta seja uma lenda, retrata a mais pura verdade sobre o relacionamento entre homem e mulher.
Para que uma relação seja duradoura, a individualidade de cada um tem que ser preservada.
Cada um tem sua maneira de ser, pensar, agir e isso não pode ser mudado por imposição de qualquer uma das partes.
Uma relação tem que estimular você a produzir, e quase sempre,
estimular você a ser do jeito que é, de cara lavada uma pessoa bonita a seu modo.
Uma relação tem que servir para um e outro se sentirem amparados nas suas inquietações, para ensinar a confiar, a respeitar as diferenças que há entre as pessoas, para um perdoar as fraquezas do outro, para cobrir as despesas um do outro num momento de aperto, para cobrir as dores um do outro num momento de melancolia, para cobrirem o corpo um do outro na falta do cobertor, para se amarem desesperadamente enquanto viverem.
Amar alguém, significa aceita-lo como ele é. O amor é tolerante, pacífico, caridoso, é a afeição viva por alguém, é o sentimento de paixão pelo próximo, é a dedicação pela vida, é nunca ter que pedir perdão.
O amor é a soma da paixão mais a emoção vivida apenas pela ilusão sem a razão.
 
Experimente amar! Tente! Ame! Viva!
 
 
Vincent Benedicto
12/09/2005
Vincent Benedicto
Enviado por Vincent Benedicto em 13/09/2005
Reeditado em 31/03/2006
Código do texto: T49997
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vincent Benedicto
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
477 textos (144386 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 16:04)
Vincent Benedicto